Arquivo da Categoria: Literatura

Galinha com Ameixas

por Rui Filipe É muito difícil definir concretamente aqueles elementos que enformam a nossa vida e, dentro destes, ainda é mais difícil desenterrar aquela coisa (pois nós nem sabemos bem se ela consiste num momento, num sentimento, numa ideia ou … Continuar a ler

Publicado em Literatura | Publicar um comentário

O ETERNO RETORNO

por Luiz de Mont’André Com uma ajudinha dos conselheiros Acácios  – Então, Cohen, diga-nos você, conte-nos cá… O empréstimo faz-se ou não se faz? E acirrou a curiosidade, dizendo para todos os lados que aquela questão do empréstimo era grave. … Continuar a ler

Publicado em Literatura | Publicar um comentário

PLUTÔT UN CARESSEUR…

 por Luiz de Mont’André Armance, de Stendhal Na manhã do dia 28 de Outubro de 1824, perto da Porta de Saint-Denis, no tempo em que Paris ainda as tinha, um cocheiro que por ali passava deu com o corpo de um homem … Continuar a ler

Publicado em Literatura | Publicar um comentário

O MAIOR ESFORÇO DA IMAGINAÇÃO HUMANA

por Luiz de Mont’André A Cozinha Cristã do Ocidente, de Álvaro Cunqueiro 29.07.2012.M          Se em igualdade de talento um escritor francês será infinitamente mais conhecido que um espanhol, que fará se o espanhol escrever em galego? Deixa-se este paralelo, já … Continuar a ler

Publicado em Literatura | Publicar um comentário

Da doença e da cura dela, “O Mal de Montano” – Enrique Vila-Matas

Por Mita Jacinto   Pois e hoje o remanço é do lar esse afrodisíaco de eleição da leitura, entre os rumores de gente que espinoteia cabriolando as férias que ansiou e agora  esbanja na curva do sol, na esquina do quotidiano que … Continuar a ler

Publicado em Literatura | Publicar um comentário

O Sul na volta do correio – ou coisas que já lá vão (indo)

por Luiz de Mont’André Às vezes – as mais das vezes – é para o lado que me dá, ou seja, para o Sul. Bate-me o sol na fonte da preguiça, e fico com o azeite, os alhos, os coentros, tudo … Continuar a ler

Publicado em Literatura | Publicar um comentário

Um Faraó em Paris

por Luiz de Mont’André Mendigos e Altivos, de Albert Cossery Tenho adiado a redacção definitiva das notas respeitantes a este livro, por pura perplexidade. Quer dizer, há já muito tempo que um livro me não deixava tão enleado, estupefacto até. Apesar … Continuar a ler

Publicado em Literatura | Publicar um comentário